31
Jan 12

 

A indústria de azeite do Sul da Europa está a preparar uma ferramenta que irá etiquetar a sustentabilidade dos seus produtos. Esta ideia será implementada já em 2013. Uma excelente notícia, para mim que sou fã de azeite.

 

 

Deixo a notícia completa em: http://www.greensavers.pt/2012/01/31/azeite-portugues-tera-eco-etiqueta-ja-em-2013/

 

 

P.S. -  Esta foto é de um olival da minha terra :)

 

 

 

 

Vera Santos

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por greentalks às 12:03

E se lhe pusermos um selo CSS em cima, mais um DOP, mais um de Agricultura biológica não será certificação em excesso e informação a mais e confusa para o consumidor?

Em relação ao bagaço de azeite que, ao que o artigo indica, compõe os 80% de resíduo na produção do azeite, o projecto da UTAD ganhou o Green Project Awards em 2011 Este projecto é um upcycling - valorização de subprodutos - em que ao bagaço do azeite junta-se pó de cortiça formando biomassa que pode por exemplo ser usado na produção de energia devido ao seu elevado poder calorífico.

Fontes
http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=52798&op=all
http://www.youtube.com/watch?v=zzmwPXfGQq8
http://pt.wikipedia.org/wiki/Biomassa
Daniel Souza a 1 de Fevereiro de 2012 às 01:35

E porque não juntar tudo? Que o azeite seja produzido de forma sustentável e os resíduos aproveitados, quase tinha-mos um Cradle to Cradle.

Se nós temos um dos melhores produtos do mundo porque não aproveitar da melhor forma?
Vera Santos a 1 de Fevereiro de 2012 às 21:59

Acho que é demasiada informação para simplesmente comprares um produto, e parece-me que estamos perante um cenário de excesso de certificação.

Apenas queremos comer e... é biológico, é DOP, é CSS, é nacional, é transgénico, é fairtrade...
Daniel Souza a 2 de Fevereiro de 2012 às 09:08

Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9



29


Sobre o Blog
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO