08
Fev 12

Ontem participei na Conferência 5 anos pelo Desenvolvimento Sustentável em Portugal da APAN. Cheguei bastante atrasado, mas a tempo de assistir à apresentação de John Dalla Costa, fundador da CEO – Centre for Ethical Orientation, consultora, sediada em Toronto, que trabalha questões relacionadas com a ética nas organizações. Não registei, mas terá sido algo como ”this is an incredible image, I love design” – o que afirmou John a propósito da marca do evento. Confirmem vocês mesmos. Uma vulnerável folha suplantada pelo consumismo. Pedra, papel ou tesoura! Podem adivinhar o terceiro elemento - folha, código de barras, XXX. Sustentabilidade ambiental, poder económico, XXX!?

 

 

Porque anteriormente se tinha introduzido a questão da compliance e da sua importância para a comunicação corporativa, Dalla Costa referiu que a sustentabilidade não é acerca do que vem nos códigos, é sobre muitas questões paras as quais não temos respostas. E apresentou a imagem de um navio cargueiro quase tombado como o Costa Concordia - "a resposta não será colocar mais contentores no barco, mas evitar o seu naufrágio", sem ser necessário pôr em causa a coragem do capitão, acrescento eu.

John comparou o actual contexto de crise com o período de recessão de Wall Street dos anos 30. Nessa altura, para relançar o negócio depois da crise, porque há empresas pouco ou nada afectadas que continuam a sua actividade as usual, a Johnson & Johnson estabeleceu que primeiro teria em conta os consumidores, seguidamente os colaboradores e por último os shareholders. Em contrapartida, e mais recentemente, alguns modelos apoderaram-se da sustentabilidade para fazer negócio. Não há empresa com elevada pegada ecológica, digna, a quem não seja reconhecida a excelência do seu trabalho de sustentabilidade - empresas extractoras, petrolíferas, tabaqueiras, etcetera.

Terá uma empresa que não actua responsavelmente legitimidade para alterar comportamentos? Vivemos um problema económico - dos mercados e dos políticos - ou uma crise que reconhece limites para o desenvolvimento?

 

JOHN DALLA COSTA'S BLOG – URGENT MATTERS

 

E sem esquecer o mérito da APAN, podem clicar.

 

 

Por André Milheiro

publicado por greentalks às 16:07

Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12
17

22

29


Sobre o Blog
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO