16
Fev 12

Depois da sugestão dos jardins verticais caseiros, deixo-vos não uma, nem duas, mas três ousadas aplicações de plantas no interior de edificios.

 

1) "Living Walls", Zoo de Adelaide, Austrália

 

À primeira vista, o objectivo destas paredes revestidas de plantas seria proporcionar uma entrada mais harmoniosa no Zoo, mas os australianos não se deixaram ficar pela beleza... na verdade estas paredes são autênticas peças vivas da biodiversidade autóctone da região. A acrescentar a esta ideia verde, construíram ainda um teto totalmente coberto com plantas, que, segundo os mesmos, promove a biodiversidade e a vida selvagem.

 

 

2) "Green Wall", NY

O CASE (Center for Architecture Science and Ecology) desenvolveu um sistema inteligente para reduzir a poluição do ar no interior de edifícios e simultaneamente poupar energia. A "Green Wall"pode ser composta por várias espécies de plantas, em cultura hidropónica, permitindo obter 60% de ar fresco e reduzindo em grande escala os custos (normalmente o ar é captado do exterior e só após sofrer aquecimento ou arrefecimento, com altos consumos energéticos envolvidos, é emitido para o interior dos edifícios.) A grande vantagem? Este é um sistema modular, que permite a aplicação em diferentes suportes - de acordo com a necessidade do designer.

 

 

 

 

3) Air Train, Itália

Desta vez uma ideia europeia, que permitirá aumentar a qualidade das viagens de comboio. Como? Pequenos jardins na parte superior dos comboios, que permitem a purificação do ar, mas também influenciam a beleza visual do espaço. Francesco Codice, mentor do projeto, afirma que “as plantas cooperam naturalmente para absorver o excesso de gás carbónico do ambiente e manter o mais alto nível de oxigénio disponível”, uma solução simples para o ar condensado que impera nos comboios à hora de ponta.

 

Bárbara Pais

Fontes:

http://inhabitat.com/
http://www.ecofriend.com
http://www.greensavers.pt/
publicado por greentalks às 02:06

21
Jan 12

Um simples, engenhoso e fashion sistema de ventilação de aproveita as naturais potencialidades das plantas, para regenerar e purificar o ar de nossa casa. Não há necessidade de mudar filtros e a sua taxa de eficácia está comprovada.

Uma maneira de aliar beleza a sustentabilidade.

Fonte: http://www.andreaair.com/

 

 

Só lhe introduzia uma modificação, que seria dotar o ventilador de um painel solar para alimentação do ventilador.

 

 

MAS ...

 

Se quisermos tirar o máximo partido deste sistema, temos tomar em consideração um projecto desenvolvido pela NASA, que identificava as plantas ‘’mais purificadoras’’ para ter dentro de casa.

 

Lista Plantas mais purificadoras de acordo com o estudo NASA:

 

http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_air-filtering_soil_and_plants

 

 

By David Fonseca

 

 

publicado por greentalks às 14:36

Março 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


subscrever feeds
Sobre o Blog
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO